Confira 7 passos certeiros para iniciar sua carreira musical

Confira 7 passos certeiros para iniciar sua carreira musical


Existem muitos mitos e dúvidas acerca de uma carreira musical. Algumas pessoas acreditam que o sucesso é possível somente quando há sorte envolvida, outras já pensam que somente o trabalho duro é suficiente. Contudo, é preciso atentar para a complexidade dessa análise, porque ser bem-sucedido nesse mercado é depender de um conjunto de fatores interligados. 

Com alguns passos certeiros, é possível se colocar na direção certa e conseguir o nível de qualidade necessário para chegar ao objetivo de uma carreira profissional na música. Neste artigo, daremos 7 dicas que você precisa conhecer. Não deixe de conferir!

Mercado da música

Investir em uma carreira musical é ingressar em um temido mercado. Por isso, é preciso entender bem o que é esse conceito antes de começar. Basicamente, essa definição compreende o conjunto de artistas e bandas que vendem suas criações para sobreviver, em diversos gêneros e estilos. 

Com a tecnologia invadindo os campos profissionais, a dinâmica da indústria também mudou bastante. Antigamente, esse mercado era composto de artistas que se esforçavam para fazer bons discos para vender e tocar nas rádios. Atualmente, está muito concentrado em shows e turnês, visto que quase ninguém compra álbuns físicos e os serviços de streaming não são suficientes para o sustento dos músicos.

A dinâmica é formada por músicos, mas também por gravadoras, selos, donos de estúdio, engenheiros e produtores. Envolve não somente as criações musicais, mas também um conjunto que compreende a imagem, o conceito e a mensagem principal que cada banda/artista deseja transmitir. 

A indústria também está mais concorrida atualmente, já que é muito mais fácil aprender a tocar um instrumento e começar uma banda. As redes sociais facilitaram a entrada de novos artistas no jogo, o que dificulta, já que o número de pessoas brigando pela atenção do ouvinte é ainda maior, ou seja, qualquer pessoa pode buscar por um curso de violão para iniciantes e começar.

Contudo, a paixão pela música é o que motiva os músicos e o que mantém os veteranos. Esse é o maior combustível que leva os profissionais a lutarem e tentarem superar os desafios.

A mesma tecnologia também possibilita, que mais artistas declarem seu amor por essa carreira e consigam torná-la uma realidade profissional. Além disso, é possível alcançar bons resultados com as práticas certas.

Nichos

Uma das características mais marcantes desse mercado é a divisão em muitos nichos. Existe música para todos os tipos de ouvintes. Por essa razão, cada músico precisa estudar bem o nicho em que se encaixa e apresentar a mensagem certa para o público-alvo.

Identificar o tipo de nicho ajuda muito, pois é o norte para as escolhas musicais que deverão ser feitas. Isso é um passo fundamental para alcançar os ouvidos adequados e conseguir sucesso.

A definição de sucesso

Diante dessas mudanças, o próprio conceito de sucesso merece uma ressignificação. O economista Chris Anderson desenvolveu uma tese bem interessante chamada de “Cauda Longa”. O objetivo era descrever como as grandes indústrias migraram do mercado dos hits para o dos nichos. Em seu livro de 2006 sobre o assunto, Anderson estuda a indústria da música e define como o sucesso é diferente atualmente.

Basicamente, o ponto do autor é que quando os artistas vendiam discos, uma carreira bem-sucedida envolvia uma combinação de um recorde de vendas e bons shows, como vemos em documentários e filmes sobre música.

Nesse cenário, as bandas eram projetadas ao estrelato quando conseguiam atingir as listas de mais vendidos. O objetivo de todos os músicos era um só: fazer hits para conseguir estabilidade na carreira.

Cenário da atualidade

No entanto, atualmente, esse conceito ganha um novo sentido. A internet possibilita que cada grupo, não importa qual seja o seu estilo, tenha um espaço no mercado e consiga encontrar o seu público ideal, caso haja boa divulgação. Existe música para todo mundo, e todos podem encontrar os sons que mais gostam, mesmo que seja de um artista do outro lado do globo. 

As pessoas não precisam se limitar ao que as rádios oferecem, muito menos às indicações da grande mídia, pois podem procurar na grande rede os sons que os interessam e, inclusive, receber recomendações personalizadas com base no que já ouviram. Esses mesmos ouvintes se esforçam para comparecer aos shows e contribuir financeiramente para o sustento das bandas que gostam.

O sucesso não é mais fazer grandes hits para tocar em famosos meios de comunicação. Isso se torna uma característica exclusiva de gêneros específicos, como a música pop. Ser bem-sucedido é encontrar o seu público e se tornar relevante para ele. Com as ferramentas tecnológicas, atingir o objetivo principal ficou muito mais fácil.

Passos para uma carreira musical de sucesso

Existem alguns passos práticos que conduzem ao objetivo na carreira musical. Falaremos deles neste tópico.

1. Pratique e aprimore seus talentos

Para conseguir destaque na música, é fundamental praticar bastante suas habilidades e melhorar o que você faz. Afinal, se o seu sonho é ser profissional, você precisa dominar seu instrumento, conhecer os aspectos teóricos que fundamentam a prática, entre outras questões. Por isso, pratique e estude para executar bem, interpretar e ser capaz de tocar as pessoas com seu talento.

Existem muitas dúvidas acerca desse ponto. Alguns acham que uma carreira só é possível com muito trabalho, excessivas horas de estudo e um talento acima do normal; outros, por sua vez, desconsideram a necessidade de aprender mais sobre a arte e acham que tudo é sorte e marketing. 

Os dois extremos estão equivocados: é fundamental estudar para apresentar algo profissional e ter a plena noção do objetivo enquanto artista, mas esse não é o único fator que viabiliza o sucesso. Nesse sentido, é importante aproveitar as possibilidades da internet e desenvolver uma boa disciplina. No início, é difícil, mas recompensador quando a música é sua paixão.

2. Aprenda a divulgar o trabalho

Músicos precisam aprender não somente a fazer um som de qualidade, mas também a divulgar o seu trabalho para o mundo. É crucial saber o que dizer, como dizer e quando, a fim de atingir o público correto. A divulgação é fundamental para que o seu projeto alcance o devido sucesso.

Inicialmente, você terá que mostrar aos amigos e familiares, mas, com o tempo, encontrará o próprio público. No começo, é importante ser resiliente e falar bastante do projeto para que todos saibam que ele existe.

Nesse ponto, vale compreender a forma como a banda ou o artista aparece para o mundo. Isso depende da música, mas também de uma série de outros fatores, como a identidade visual. A forma que as pessoas enxergam os artistas influencia o apego deles ao trabalho. Logo, esse é um fator relevante na hora de divulgar. 

3. Utilize plataformas digitais

Quando falamos de divulgação, as plataformas digitais se destacam como uma boa opção. Afinal, elas são utilizadas por praticamente todos os ouvintes de música atualmente e são um bom espaço para encontrar pessoas dispostas a pagar pelo seu trabalho. Portanto, aproveite bem essas ferramentas e esteja presente nas plataformas para ser encontrado. 

4. Tenha um estúdio musical em casa

Um estúdio em casa poupa as bandas de muito trabalho e perda de tempo. Isso porque, com os próprios equipamentos, os artistas dispõem de maior autonomia criativa e controle sobre o rumo dos seus trabalhos.

Sem contar que essa questão significa economia de custos e menos transtornos com falhas de comunicação entre os músicos e os produtores. É importante aprender a registrar a própria arte.

Essa é uma tendência atual, já que o número de artistas independentes tem crescido bastante. Com o poder de administrar os processos, os grupos conseguem garantir uma certa identidade e originalidade que é o que conquista os ouvintes.

5. Invista em técnicas de composição

Não se esqueça também de estudar composição e aprender a desenvolver boas canções desde o início do processo criativo. Nenhuma obra musical deve depender somente da produção, mixagem e da tecnologia, por isso, é fundamental pesquisar e tentar novos métodos de escrita para garantir bons resultados. Lembre-se: o principal diferencial do artista é a sua própria arte.

Todo músico precisa ser incansável com relação a esse ponto. É interessante deixar a criatividade guiar os processos de criação, mas também é bom buscar novas formas de arrumar as notas, harmonias e melodias, a fim de expressar qualquer ideia de maneira efetiva.

6. Saiba escolher os instrumentos musicais

É importante selecionar bem quais instrumentos você vai tocar. Boa parte da identidade de uma banda/artista vem dos timbres e da qualidade dos equipamentos utilizados. Por isso, tenha cuidado com as ferramentas que serão usadas em gravações e nas atividades para garantir uma certa consistência profissional. Pesquise também sobre o suporte do áudio, a escolha de um amplificador e outras questões.

7. Tenha um planejamento/uma estratégia

Todo artista deve trabalhar na sua estratégia e construir um bom planejamento. Isso vai direcioná-lo com relação aos passos necessários para alcançar sucesso e destaque, bem como os devidos sacrifícios e investimentos que precisam ser feitos. Pensar bem a carreira é evitar problemas de perda de tempo e mirar perfeitamente o alvo. 

Esse fator inclui saber quantos discos serão lançados inicialmente, quando, como a divulgação será realizada, como a comunicação com o público acontecerá, entre outros fatores. É crucial definir muito bem antes de começar e observar os resultados no momento da execução.

Por onde começar

Um bom ponto para começar é a escolha do nome. Se você vai investir em carreira solo, é importante definir um nome artístico, uma marca pela qual será conhecido. Se o objetivo é focar uma banda, é o mesmo processo. Esse termo deve representar bem o conceito do projeto ou pode ser simplesmente uma escolha estilística. Ambas as estratégias funcionam bem.

Logo, é preciso pensar bem na proposta principal do projeto, ou seja, em termos musicais, qual a mensagem que o seu grupo quer passar? Isso é interessante, pois vai nortear as escolhas criativas de composição e produção. Escolher bem uma proposta é fundamental para alcançar os ouvintes com um senso de originalidade e identidade. 

Cuidados com a carreira musical

A carreira musical é recompensadora, mas requer cuidados para que permaneça saudável. Um deles está relacionado com fatores legais e jurídicos. Cada composição deve ser única e surgir da mente do criador, caso contrário, a banda/artista pode enfrentar complicações judiciais. Esse fator se torna um transtorno financeiro terrível, além de uma questão ruim para a reputação.

É importante sempre fugir desses problemas legais. Por isso, o ideal é verificar se existe algo próximo ou parecido com o que você está criando, a fim de evitar similaridades indesejadas. Esse cuidado vale para o nome artístico também. 

Outro fator que merece atenção é o gerenciamento financeiro do projeto. Uma banda é como uma empresa: precisa de entrada, de arcar com custos e despesas, o que sobra é o lucro. Para continuar de pé, é fundamental manter um bom índice de lucro e cuidar bem do dinheiro para que não falte nos próximos passos. Nesse sentido, o planejamento ajuda bastante.

Os músicos precisam ter um bom capital de giro. Esse termo representa um certo valor guardado que serve para suprir as despesas em meses que as entradas não são suficientes. Como essa carreira é instável, principalmente no início, essa estratégia é bastante útil.

Da mesma forma, cuide bem da reputação da banda, sabendo que cada ação reflete na percepção que os ouvintes têm. Falta de profissionalismo em shows, por exemplo, ou algum incidente e polêmica em que os artistas se envolvem afetam, e muito.

Esses fatores contribuem para que a imagem do grupo seja prejudicada e para que as pessoas não se identifiquem com o trabalho, por isso, devem ser evitados.

Estratégias para se tornar profissional

Para se profissionalizar na música, entenda que é necessário investir dinheiro. Afinal, você precisará de recursos para comprar instrumentos musicais, gravar as músicas e ensaiar com sua banda. No início, as entradas não serão suficientes para gerar algum lucro, mas você não pode desanimar. O sucesso da carreira surge com comprometimento e investimento.

Nesse sentido, o investimento de tempo também é relevante. Não há resultados sem dedicar bastante tempo e trabalhar duro em algo. Por isso, entenda que a profissão requer um cuidado com o planejamento de sua agenda e um esforço em separar tempo para ela.

Para dar um passo maior rumo à profissionalização, outro fator fundamental é criar boas conexões. Conhecer as pessoas certas e conseguir parcerias que poderão auxiliar no desenvolvimento de sua carreira são fatores muito importantes. Esses aspectos são interessantes para ajudar a superar as barreiras e desafios comuns no processo.

Vale ressaltar que ser profissional é oferecer um bom produto. Por essa razão, estude bastante o seu instrumento, técnicas de composição, como já citamos, e o marketing para divulgar bem o seu trabalho para as pessoas certas. 

Uma carreira musical é fruto de muito trabalho e de uma visão bem definida. Com um bom planejamento, cuidado com as composições e conceitos, além de boas parcerias, é possível alcançar um nível esperado de sucesso. Assim, os músicos podem ser plenamente felizes e satisfeitos ao fazer o que gostam e expressar ao mundo a paixão por essa forma de arte.

Gostou do artigo? Então, acompanhe a nossa página no Facebook e continue ligado em nossos conteúdos.

Categories

+ There are no comments

Add yours